Faça uma busca

Telefones

Created by Susannanovafrom the Noun Project

Nossos Telefones

AGENDAMENTO DE SERVIÇOS NA OFICINA

(61) 2101-0225

VENDAS DE MOTOS NOVAS

(61) 2101-0229

BOUTIQUE

(61) 2101-0224

CONSÓRCIO

(61) 2101-0209

GERAL CONCESSIONÁRIA

(61) 2101-0202

Home   ›   Blog   ›  

Blog HD

Fique por dentro do universo Harley-Davidson!

Iron Butt: saiba como é o preparo para pilotar 1.600 km em 24h

Experiência em estrada e planejamento são as duas palavras que devem ir à mente do Harleyro e da Harleyra que deseja o certificado do Iron Butt.

Prestes a completar um ano da aventura, onde atingiram a meta de 1.600 km em 24 horas, os membros do H.O.G, Diego Koppe e o Officer Head Road Captain, Wylerson dos Santos dão dicas para quem quer encarar o desafio.

 

“Ao meu ver, o mais importante é ser um motociclista com vivência na estrada, acostumado em viagens longas e que tenha total conhecimento da sua máquina. O que conta, no desafio, é o endurance em cima da moto”, pontua Wyl. “Em seguida, escolha um parceiro tão experiente quanto você e faça o percurso em dupla  por questões de segurança”, continua. 

 

As limitações físicas também devem ser ponderadas. Caso não tenha experiência em pilotar a noite ou fique muito cansado, o ideal é se preparar para isso, afinal o participante do Iron Butt precisa percorrer a quilometragem dentro do tempo proposto pelo desafio.

 

Certifique-se que sua HD está devidamente manutenida, com as revisões em dia. Ter uma noção básica de reparo no pneu também é importante e ser acostumado a pilotar na chuva e a noite também. Depois dessas ponderações, é hora de iniciar os treinamentos e planejar o percurso de acordo com a autonomia da sua Harley.

 

Um dos exercícios para aprimorar o condicionamento físico é pilotar longas distâncias e fazer poucas paradas. “As pequenas viagens foram para testar meu limite. A cada treino, aumentávamos a distância gradualmente. Fomos a quatro destinos, percorremos 800km,” conta Koppe.

 

Com muita experiência e 3 certificados do Iron Butt, Wyl (1.600km em até 24 hs; 2.000km em até 24hs e 2.500km em 30hs) explica que o ideal é escolher vias que proporcionem maior trafegabilidade, sejam elas duplicadas ou não. “As duplicadas tem maior valor pro Iron porque favorece a ultrapassagem. Observe se passa perto de cidades e se tem muitos radares de 60 km”. 

 

Depois de calcular a média de velocidade, eles procuraram um percurso que atendesse o objetivo de rodar 1.600 km em 24h. Na sequência, eles montaram a planilha com a rota calculada, incluindo os pedágios, e analisaram as condições meteorológicas da área em que iriam passar. E, no dia 3 de junho, às 3h da manhã, de posse de suas Street Glide e Ultra, respectivamente, Diego e Wylerson pegaram a estrada. 

 

“Para quem quiser encarar o desafio,  se atente para as dicas de segurança pois são 24 horas de moto sem parar. Nos preparamos com antecedência e tomamos todos os cuidados. Foi a minha primeira experiência, de muitas, com certeza”, recomenda Diego. O segundo desafio dele está na fase de planejamento.  Será um percurso de 2.500 km em 36 horas. 


Wyl também pondera sobre a questão de segurança. “Se se sentir cansado nos dias que antecedem a data de partida, ou mesmo durante o percurso, aborte a missão e deixe para uma próxima oportunidade”, reforça.

 

Dicas:

- Treine em viagens longas 

- Aumente a distância gradativamente para ganhar o condicionamento de ficar bastante tempo em cima da moto

- Conheça bem o amigo que fará a competição com você para que trabalhem em sincronia. Opte por uma dupla experiente

- Faça a manutenção prévia da sua máquina na concessionária da Harley-Davidson

- Pense em vias que proporcionam melhor tráfego (checar se tem radar, calcular a média de velocidade da via) e que atenda a velocidade média que você quer manter no percurso

- Analise as condições meteorológicas pelo menos duas semanas antes

- Cada Harley tem uma autonomia e depende do modelo para se fazer seu planejamento de distâncias e paradas. O planejamento deve contemplar a autonomia da sua moto. 

- Opte pela saída em um dia e horário de menor trânsito. Atente para o dia da semana e possíveis feriados.

- Prefira o contra-fluxo

- Consuma carboidratos leves, alimentos hiperprotéicos, muita água e isotônico para hidratar 

- Programe o horário de saída e de chegada para que as condições não sejam desfavoráveis. Devem ser avaliados fatores como trânsito, chuva e posição do sol

- Incluir, na planilha, o horário de saída, a velocidade média e a previsão de parada nos pontos, inclusive tempo de abastecimento e de pedágio 

- Ao traçar o roteiro, dê preferência por pistas duplas para evitar ficar atrás de caminhão em faixa única

- Cole uma ficha com as informações da rota no tanque da moto para fazer o check list e monitorar o tempo

- Leve o dinheiro trocado para os pedágios e tenha uma economia de 3 a 5 minutos
 

Sobre o Iron Butt - O Iron Butt é uma certificação, emitida pela Iron Butt Association, aos motociclistas que encaram o desafio de uma prova de resistência x tempo x quilometragem.  Para receber o certificado, o motorista deve montar um roteiro por estradas diferentes, devidamente comprovado e que será avaliado pela comissão organizadora. Além da ficha de inscrição, a documentação necessária são relatório com dados das testemunhas de saída e chegada, mapas com o roteiro percorrido e notas fiscais que comprovem o abastecimento e a quilometragem da moto. O certificado é emitido em até 12 meses pela Iron Butt Association. Saiba mais em www.ironbutt.com

 


Por Deborah de Salles - Assessoria de comunicação Brasília Harley-Davidson

Compartilhe essa notícia

Voltar
(61) 2101-0202